13 de fev de 2015

Abrigos Improvisados



     são enumeras as formas de você se abrigar no mato, a seguir algumas dessas formas, a maioria praticadas e elaboradas pelo exercito brasileiro.

esse material foi extraído do blog: http://wwwsobrevivencianaselva.blogspot.com.br/p/abrigos-na-floresta.html





Abrigo suspenso

Abrigo suspenso

Abrigo suspenso

Abrigo suspenso









Abrigo na neve



Construindo a cobertura










MATERIAL NATIVO PARA CONSTRUÇÃO

O material a ser obtido na própria selva inclui, normalmente: a. Madeira (troncos finos e grossos) para a estrutura;
b. Cipós (ambé, titica, timbó-açu) ou cascas de certas árvores (enviras preta e branca) para todas as amarrações;
c. Palhas (branca, braba, ubim em “V”, najá) ou folhas de palmeiras (açaí, buriti, bacaba, patauá) ou sororoca (semelhante à folha da bananeira) ou  caranaí para as coberturas. OBSERVAÇÃO: As palhas, sem seus talos, ou as folhas de sororoca podem ser usadas para a confecção de tarimbas (espécie de colchão que fica sobre as “varas” de madeira da cama). d. É conveniente “passar no fogo” as palhas que serão utilizadas para forrar o local de repouso, a fim de eliminar carrapatos.

Abrigo improvisado para um homem utilizando rede e poncho- Manual Exército IP 21-80
Manual Exército IP 21-80
Rabo de Jacú, Manual Exército IP 21-80
Rabo de Mutúm, Manual Exército IP 21-80
Tapirí nativo do caboclo Amazonida, Manual Exército IP 21-80
Tapirí 2 camas de galhos e cipós, Manual Exército IP 21-80
Tapirí de cozinha, Manual Exército IP 21-80
Tapirí simples, uma agua, Manual Exército IP 21-80
Tapirí simples, uma agua, Manual Exército IP 21-80
Cobertura tipo teilheiro suspenso, Manual Exército IP 21-80
Cobertura tipo teilheiro, Manual Exército IP 21-80
Tipo túnel (Japá), Manual Exército IP 21-80
Abrigo para dois homens, utilizando 2 ponchos, Manual Exército IP 21-80


O ideal, uma rede de selva com mosquiteiro

Abrigo utilizando 2 ponchos e estacas, suspensos ao solo, Manual Exército IP 21-80

Fogão de Moquém ou de moquear, Manual Exército IP 21-80

Fogão móvel, Manual Exército IP 21-80


Nenhum comentário:

Postar um comentário